EF1: Alunos dos 4º Anos estudam a arte rupestre e surpreendem com sua criatividade

EF2: Alunos do 7º ano realizam atividade interdisciplinar
23 de Fevereiro de 2018
Grupo de Pais: a importância do vínculo família – escola
1 de Março de 2018

EF1: Alunos dos 4º Anos estudam a arte rupestre e surpreendem com sua criatividade

A Pré-História é um termo que convencionalmente denomina o período do aparecimento do ser humano até a invenção da escrita. Para estudar esse momento os vestígios materiais encontrados nas escavações, esqueletos, restos de tendas e vestuários e as pinturas encontradas nas cavernas se tornaram uma significativa fonte de pesquisas.

As pinturas das cavernas ficaram conhecidas como arte rupestre, que é uma das mais antigas manifestações estéticas do homem ao longo de toda sua história. O termo rupestre vem do francês e significa “gravação” ou “traçado” e o homem pré-histórico usava ossos de animais, cerâmicas e pedras como pincéis, além de fabricar suas próprias tintas através de folhas de árvores, sangue de animais, entre outros.

Atualmente, algumas estatísticas indicam a existência de aproximadamente 400 mil sítios arqueológicos com arte rupestre ao redor de todo o mundo. A África concentra a maior quantidade de pinturas e gravuras desse tipo. No Brasil, a arte rupestre é abundante nos sítios arqueológicos encontrados na região do Parque Nacional da Serra da Capivara, no Piauí.
Como as turmas dos 4º Anos A e B, durante esse bimestre, estão estudando a Pré-História, o professor Marcus, de Artes preparou uma atividade especial para que os alunos pudessem simular as pinturas rupestres. Para isso foi usado um material muito diferente para pintar que foi o café, e como a criatividade dos nossos alunos sempre nos surpreende, eles sugeriram que o papel fosse amassado para criar a textura das rochas das cavernas. O resultado ficou incrível.